sábado, 24 de março de 2012

De Maria...Para Maria.



Uma coisa bonita, presente para você:


O Amor, Maria ?
Para mim, Maria, o amor é azul e branco. São seus dois tons, e isso não tem nada a ver com arco-íris.
A gente pinta é do lado de dentro. É uma coisa danada de tão travessa, essa coisa do amor. Eu não sei, Maria, por que a maçã do amor leva esse nome. O amor nem é sempre doce, não. Mas pode ser vermelho, se você quiser.


O Amor é um monte de coisa, dona moça. Você vai sentir, se já não sentiu. Os joelhos frouxos, as mãos suando, e todas as partezinhas batucando do lado de dentro. E você vai morrer de medo que alguem escute, Maria. Mesmo quando tudo em você denunciar, você ainda vai deixar cair os olhos, fingir distração, fugir. O amor agente  guarda é nos olhos, depois ele desaba para todo o canto.



Nenhum comentário:

Postar um comentário